terça-feira, 14 de abril de 2009

Meu anjo extraviado

Eu acredito em morangos, girassóis e borboletas. Eu vivo de catar conchinhas na praia imaginária Eu vivo de agradecer o tanto que tenho recebido ultimamente. Eu acredito em um anjo extraviado. Eu tenho ganas de gritar, às vezes, de pura emoção fortíssima. Olho por trás do fundo do espelho e posso ver o que sou. Tenho medo disso, desse olhar meu que me olha e não entendo direito se ele ri ou chora.
Eu acredito na grandeza do universo e em seus andaimes ambulantes, consertando estrelas cadentes. Tudo que é sem rumo me interessa, tudo que é vazio intercepta por mim para que meu caos se aninhe e fuja da entropia. Tudo que sei é que gosto de gatos, rosas e jardins. E que o livro vai se chamar qualquer coisa Caio F., pois foi aprovado pelo Conselho Editorial da Educs. Eu acredito que ele espiou, deu aquela olhada lá de onde está e falou com alguém muito importante intercedendo por mim. Nisso eu acredito, pois sou ainda inocente para coisas tão inesperadas.

14 comentários:

Liene disse...

Biba,
Você pode acreditar em girassóis, borboletas e em anjos, mas jamais deixe de acreditar em você!
Parabéns!

Franzé Oliveira disse...

O acaso, não? tb acredito...

Bjos com carinho.

glória disse...

Ah! Biba que escritos condensadores do avesso-e-direito que plasmam nossa existëncia.Essa passagem te traduz:

"Eu acredito na grandeza do universo e em seus andaimes ambulantes, consertando estrelas cadentes"

Eu acredito nesse teu grito fértil.

bjs

Beto Canales disse...

Parabéns.

Danúbio, disse...

E eu só chorei mesmo. Pelos teus morangos, pelos teus girassóis, gatos e borboletas, chorei pela tua alegria, pela tua vitória, chorei também pela tua inocência. Como me doeu essa palavra. Chorei mesmo numa manhã de terça. Nada mais controverso.
Ou foi só mesmo uma saudade, uma vontade de ver como seus olhos brilharam enquanto escrevia teu texto. É isso, foi só muitas saudades de você.
Beijos e faça uma festa.
Beijos de novo

Jânio Dias disse...

Parabéns!

Mesmo longe e desconhecido, fico feliz com sua alegria.

Abraço!

Caco disse...

Parabéns, Biba! Que incrível!

Biba disse...

Liene, acredito em mim acima de tudo, senão como poderia acreditar em outras coisas? Fiqeu tranquila, sou 100% cabeça e coração.

Beijo,
Carpe Diem!!!

Biba disse...

Beijos com carinho franzé!

carpe diem!!

Biba disse...

Beijos Glorinha, meu grito é nosso grito!

Beijos,
carpe Diem!!!

Biba disse...

Beto, querido, gracias por me parabenizar, fico contente que você me visite sempre.
Beijos
carpe Diem!!!

Biba disse...

Beijos , Danúbio querido. Fiz uma festa agora. Tomei um bom vinho chileno e falei falei pelos cotovelos!!

Beijo grande,
Carpe Diem!!!

Biba disse...

Jânio, nem tão longe ou tão desconhecido, creio que estamos nos conhecendo aos poucos. Obrigada pela força.

Beijos,
Carpe Diem!!!

Biba disse...

CACO, eu ainda preciso ver para crer, sabe como sou. Mas a sensação é a de uma luta vencida finalmente. Acho que o Caio merece esse livro assim como eu que o estudei tanto.

Beijos e saudades
Carpe Diem!!!