quinta-feira, 16 de abril de 2009

Clarice Lispector

"Dá-me a tua mão:

Vou agora te contar

como entrei no inexpressivo

que sempre foi a minha busca cega e secreta.

De como entrei

naquilo que existe entre o número um e o número dois,

de como vi a linha de mistério e fogo,

e que é linha sub-reptícia.

Entre duas notas de música existe uma nota,

entre dois fatos existe um fato,

entre dois grãos de areia por mais juntos que estejam

existe um intervalo de espaço,

existe um sentir que é entre o sentir

nos interstícios da matéria primordial

está a linha de mistério e fogo

que é a respiração do mundo,

e a respiração contínua do mundo

é aquilo que ouvimos

e chamamos de silêncio."

24 comentários:

glória disse...

esse sentir brechas, vácuos silenciosos, essa marca de Clarice reverbera entre nós, infinitamente. bjs

Beto Canales disse...

Não há a menor necessidade de agradecer visitas. Venho aqui para ler. O que imagino - e torço - que façam no meu blog.
Beijo, Biba.

Biba disse...

Clarice é o máximo, né Glorinha. Meus olhos sempre se arregalam da natureza dela.

Beijos,
Carpe Diem!!!

Biba disse...

Certo Beto!

Beijo grande
Carpe Diem!!

Daia disse...

Que texto perfeito, adorei! Não conhecia esse da Clarice.

Beijão prof!
Boa sexta-feira!

Antonimos disse...

Gosto daquele 'aprendendo a viver' ...que tem um que ela fala do 'ser bobo'...


(ps.: biba, te deixei um recado lá no post sobre o kurt, nao sei se tu viu, o ultimo)

Antonio Iraildo disse...

biba, naquele tempo quando comecei a fazer jornalismo conhecia clarice, apenas isso. com suas dicas apaixonadas a respeito dessa autora prendi a amá-la. obrigado.
amei de coração o presente "tempo" que você me deu ontem lá no meu último post. animou meu tempo, que por sinal anda muito aperriado.
bjim

O Profeta disse...

Mas um beijo às vezes
Faz parar o tempo em seu desvario
Arranca mil sentires à alma
Voa no celeste preso em terno fio

Liberta esta lava incandescente
Transbordante em teu peito palpitante
Dá-te as asas de um pássaro azul
Transforma o eterno em sublime instante


Bom fim de semana


Mágico beijo

Danúbio, disse...

Ai Biba, como é bom ouvir Clarice. Fazia tempo que não a lia. Vou correndo agora atrás de mais Clarice.
Beijos

La Corleone [Mãinha] disse...

sem mais, digo apenas: fantástico!

adoro Clarice...

bjOS, bom findi

Biba disse...

Oi Daia,

sim, Clarice é demais e este texto em especial.

Beijos,
Carpe Diem!!

Biba disse...

Antonimos, vou ver seu recado no Kurt Kobain.

Carpe Diem!!

Biba disse...

Ira, fico feliz por ter feito você amar Clarice, e isso á amor da vida inteira.

Bjim e paz
Carpe Diem!!

Biba disse...

Mágico beijo pra você também, Profeta e um fim de semana maravilhoso.

Bjs
Carpe Diem!!

Biba disse...

Danúbio, corra atrás de mais Clarice sempre!!!

beijão,
Carpe Diem!!

Biba disse...

É fantástico mesmo, La Corleone.

Beijo grande,
Carpe Diem!!!

Franzé Oliveira disse...

Belo.
Tudo tem fronteiras.
O que devemos é quebrá-las.
E formar um todo.

Bjos com ternura.

Biba disse...

Franzé, é preciso quebrar as barreiras.

Beijo e carinho
Carpe Diem!!

Tâmara disse...

Adoro Clarice!!!

Beijos e bom fim de semana!

Eduardo Matzembacher Frizzo disse...

Olá Biba. Estive realmente um tempo ausente, resolvendo o próprio tempo no qual não me resolvo. E para ser franco, ainda não sei se me resolvi, mas descobri que tentar ser também é uma forma de amar. Neste sentido, as coisas, muito embora meus olhos andem embaçados, me parecem bem mais claras, ainda que uma dor se esgote e me esgote o peito. Porém, semana que vem ligarei a internet na minha nova casa e pretendo voltar a essa convivência de convivas/palavras que entre nós reside quase como uma ética. E assim, fico muito feliz em aqui vir e ver de cara a Clarice nas vértebras do seu espaço. Fica bem. Um beijo.

Biba disse...

Tâmar, beijos e agora, boa semana!!

Carpe Diem!!

Biba disse...

Du, eu também quero muito me resolver, mas por mais que eu me dê tempo parece que mais longe fico das respostas que poderiam me ajudar a ser definitivamente.

Amei seu retorno, porque você sabe o quanto gosto de ti. Aguardarei e irei ao teu encontro no Insufilme.

Beijo,
Carpe Diem!!!

Helô Müller disse...

Ops !! Que Blog mais adorável, "oh xente" ! rs Quem não cai de quatro pela genial Clarice ?! Gostei mesmo do teu espaço ! Voltarei ...
Bjus
Helô

Biba disse...

OI Helô, volte sempre, também visitarei você!

Beijos,
carpe Diem!!!