quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

Paz

À flor da pele. Sinto como se o mundo todo estivesse em mim, como na adolescência, sob meus ombros. Mas agora é diferente. Não pesa mais!! Está leve leve leve... Dá um medinho, sabe? Por que é certo que ninguém abarca o mundo, não é mesmo? Contudo, é isso. O mundo todinho parece estar sobre mim. De um modo avesso do que sempre foi. Sem aquele anel de dor dourando os dedos. Sem aquela garganta angustiada. Ou era o peito? Já não sei mais. O que entendo disso é que estou em plena paz. Uma coisa que busquei sempre, sempre mesmo. Espero que dure o quanto tem para durar e que eu saiba dizer sim e aproveitá-la.
"A paz invadiu o meu coração/de repente me encheu de paz/como se o vento de um tufão/arrancasse os meus pés do chão/onde eu já não me enterro mais/ a paz fez o mar da revolução/ invadiu meu destino, a paz" (G.Gil/J.Donato).

16 comentários:

Daia disse...

Que post bom de ler! Fico feliz por ti, e espero que essa paz maravilhosa esteja sempre com você!

Beijão!

Beto Canales disse...

Minha cara professora. Apaixonada?

Anônimo disse...

Palavras flutuantes...é bom ler sobre quem enconntra, se sente em paz, serenidade,...me lembro daquela pluma que aparece no começo e no fim do forrest gump...
"Sem aquele anel de dor dourando os dedos. Sem aquela garganta angustiada. Ou era o peito? Já não sei mais. O que entendo disso é que estou em plena paz." [...] menciono este trecho, 'sensaçao de flutuar'..
Ler algo assim de uma pessoa real(e não em algum personagem de filme) além de paz, (para quem não tem muita e a busca 'em guerra') transmite algo empático...
Que a paz sempre esteja contigo, e que a empatia transmitida em tuas palavras seja sempre como a empatia é. De ida e volta, como um laço, como aquela pluma do forrest gump. :)

Biba disse...

Daia, lindinha, que essa paz esteja com você também. É tão bom...
Beijos,
Carpe Diem!!!

Biba disse...

Beto, seu danadinho!!! Não preciso dizer mais nada, né?
beijo grande,
carpe diem!!!

Biba disse...

Anônimo, que lindo seu comentário. É de uma poesia! Obrigada por vir aqui e me dizer coisas assim. Paz pra você também.
Beijos,
carpe Diem!!!

Duda Lima disse...

Essa paz engrandece demais!
Dá um novo brilho no olhar e uma imensa vontade de viver!^^
E uma fome de abraçar o mundo^^
MUito bomm isso..^^
Beijos Biba

Danúbio e ainda assim tenho vivido, disse...

Que coisa gostosa de se ler. Sentir então deve ser fabuloso. Faça essa Paz palpável e me mande por sedex. Só um pouquinho.
Beijos

p.s. fecha todas as portas e janelas da tua casa e nem deixa ela escapar mais.

Marcos Miorinni disse...

Oi Biba, adorei o blog, gostaria de acompanhar, mas não encontrei o link para seguir, enfim ...
abraços
Marcos

Renata Zanatta Ponsoni disse...

Não sei se tu lembra de mim, mas tu vai ser minha profa. de novo nesse semestre, hehe :D
Teu blog é muito agradável. Acho que passei uma bela meia hora "viajando" por ele. Mas este post me deixou muito feliz por ti. Muita paz, sempre!

Tudo de bom, de coração :)
E até março!

Beijão!

Marcelo disse...

Olha que beleza! A sensação do mundo em seus ombros, mas sem pesar nada, que bom que alcanou esse estado, aí não tenho vergonha de dizer q sinto inveja...rs! Coincidência de assunto, dá uma olhada no meu blog daqui uns dias...

Biba disse...

Oi Duda, é maravilhos sentir-se assim. A fome da vida que não cessa, é lindo.

Beijos,
carpe diem!!!

Biba disse...

Danúbio, posso te mandar essa paz pelo meu coração que bate tão lindamente? Teu coração, ousado, de artista, vai captar essa paz. Por via das dúvidas mando sedex também!!!
Beijos,
carpe diem!!!

Biba disse...

Marcos, não entendo de links... ai. Bom, venha sempre me ler, gostei de sua visita.

beijos
carpe diem!!!

Biba disse...

Oi reanta, que bom tê-la por aqui. Lembro de você sim e adorei saber que vai ser minha aluna novamente. Em que disciplina? Olha, se gostou do blog, venha mais vezes me visitar.
Paz pra você também!!
Carpe Diem!!!

Biba disse...

marcelo, tava com saudade!! vou olhar seu blog sim, sempre passo por lá. Essa é uma inveja boa, eu acho. Vou inventando de mandar um pouco dessa paz pra você, assim como se lhe passasse uma barra de chocolate.
Beijos. Paz.
carpe Diem!!!