sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Salvar postagem. Publicar agora. Nada. É sexta 13 de um novembro difuso, desnorteador. Aos que se abrem à vida a acolhida é breve. Assim transitamos pela existência, no caldo doce das horas. Publicar postagem. Salvar agora...

10 comentários:

Nine Stecanella disse...

Minha sexta-feira 13 também parece prometer coisas incriveis!

Franzé Oliveira disse...

kkkkk
Nem percebir que era 13 e sexta-feira.

Bjos.

Letícia disse...

Também tenho a sensação de estar em um momento difuso. E o caldo das horas parece estar sempre mudando de sabor.

Beijos, Biba.
E vamos viver todos os tempos. =)

.Leonardo B. disse...

[os dias perigosos são os que não se vestem, nem se maquilham de superstição! Esses, mais que mistérios, são desafios - os dias não "perigosos" são menos estanques, cheios de gatos pretos trajando de cinza!... cogli l'attimo]

um imenso e transtlântico abraço

Leonardo B.

Thomaz Ribeiro disse...

Que bom que a sexta-feira, às vezes, inspira grandes textos.

Biba disse...

Sexta 13, teve com astral bem bonito Nine.

Beijo
Carpe Diem!!

Biba disse...

Franzé, eu só percebi porque coloco data na hora da chamada dos alunos.

Beijo
Carpe Diem!!

Biba disse...

Sim, Letícia, vamos viver todos os tempos. Eu sinto o sabor que muda. Isso é que é bom!

Beijo e afeto
Carpe Diem!!!

Biba disse...

.Leonardo B, gostei de suas palavras. Um abraço pra você também!

Carpe Diem!!

Biba disse...

Oi Thomaz, bons textos a qualquer tempo é meu sonho de consumo!

Beijo
Carpe Diem!!